Pular para o conteúdo principal

O que estraga seu cabelo?


          Voltei! E hoje vim falar do que eu mais gosto, cabelos, já que existem muitas coisas que podem prejudicar a saúde e a aparência dos cabelos, e às vezes, sem que a gente perceba. Será que seu cabelo está danificado? Veja se você está cuidando bem dele.

Calor: Excesso de secador, chapinha e baby-liss danifica os fios. O ideal é utilizá-los apenas um vez por semana.
          Outra fonte de calor que danifica os fio é o sol. Expor os fios à luz do sol constantemente sem proteção solar(existem produtos próprios para os cabelos que possuem proteção contra os raios UV) ou chapéu, pode fazer seus cabelos quebrarem com mais facilidade, além de ressecá-los.

OBS: Muito ar-condicionado também pode ressecar os fios.

Lavagem: Atenção quem gosta de banhos com altas temperaturas, água quente danifica e muito os cabelos, pois remove a proteção e a oleosidade natural dos cabelos. O ideal é levar os cabelos com água fria ou um pouco morna.
          Evite lavar os cabelos todos os dias, a menos que você tenha cabelos bastante oleosos.
          Lavar os cabelos, tanto demais, quanto de menos pode prejudicar tanto os fios, quanto o couro cabeludo.

Piscina e mar: O sal e o cloro, também ressecam os fio, mas isso não quer dizer que você não pode mais frequentar uma praia ou um clube, mas seria de grande ajuda procurar fazer uma boa hidratação depois de um dia na praia ou na piscina.

Químicas: Nem preciso dizer que tinturas com amônia, descolorantes e alisantes estragam o cabelo não é? Certas químicas mudam a textura do cabelo, o que deixa seu cabelo bem mais frágil. Cabelos com químicas precisam de um cuidado quase diário.

Cabelo preso/penteados: Pode parecer besteira, mas dormir com os cabelos presos ou usá-lo preso no dia-dia com muita frequência, principalmente se prendermos com muita força(como no caso de tranças e coques) pode fazer com que seu cabelo quebre justamente nos pontos de tração.

Alimentação: Uma boa alimentação influencia no saúde dos fios. Evite comer coisas muito gordurosas e industrializadas. Coma coisas naturais e que tenham bastante vitamina A.

Produtos capilares: Usar um produto errado ou usar em excesso pode trazer um resultado contrário. Não exagere na quantidade do produto. Se o rótulo diz "5 min." não ultrapasse esse tempo. Deixar um produto por 40 min. nos cabelos sendo que o correto seria 5(um exemplo) não vai potencializar o tratamento. Isso não té saudável para os fios.
          Não deixe restos de produtos nos cabelos a menos que seja um produto sem enxágue. Sempre lave bem os cabelos para remover todo o produto.

Alongamentos: Se você estiver pensando em alongar os cabelos, você pode, mas procure um profissional. O peso de um aplique de tic-tac por exemplo, pode quebrar cabelos que já estejam danificados.
          Aplique de fita-adesiva também pode quebrar seus cabelos se não for aplicado por um bom profissional. A quebra pode acontecer por causa da cola na hora de retirar se não for feito corretamente.

Chapéus/toucas: Evita cobrir sua cabeça com chapéu ou touca por muito tempo. Abafando o couro cabeludo podemos acabar estimulando a oleosidade em dias de cabelos, o que pode causar caspa e até seborreia.


          E então, você cuida bem dos seus cabelos?

          Deixe seu comentário e diga como você procura preservar seus cabelos.

Beijinhos ;*


Comentários

  1. Ótimo saber dessas coisas pois faço muitos desses itens errados!

    Bjs

    www.fashionworldbykaren.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A única coisa que eu faço muito e preder o cabelo diariamente, mas eu não tenho muita opção, onde eu moro é muito calor, e pra mim é quase impossível usar cabelo solto pra mim. Mas o resto acho que faço direitinho. Rsrsrs.

      Obrigada pelo comentário, Karen. ;*

      Excluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Reconstrução capilar com queratina líquida - Keramax

Neste post, trago para vocês uma resenha, da queratina líquida da Keramax. É uma carga máxima de queratina para cabelos fragilizados, com geleia real, queratina e creatina. Hidratação, maciez e brilho intenso.
      Custa por volta de R$15,00. Não tenho muita certeza mas acho que na minha eu paguei uns 16 ou 18(eu tive a infeliz ideia de tirar o preço).
      É uma carga máxima de queratina para cabelos fragilizados, com geleia real, queratina e creatina. Hidratação, maciez e brilho intenso.
      A carga máxima de queratina recupera cabelos danificados por químicas, como tinturas e alisamentos, e processos naturais, como exposição ao sol, chuva e vento. Meu cabelo está ainda bastante destruído, já que eu faço tudo em casa(descoloração, coloração, corte...). Então no mês passado(ou retrasado, já nem me lembro mais) eu comprei este produto e já utilizei cerca de 3 vezes, além de colocar um pouco no shampoo e cremes para pentear.
      Já melhorou meu cabelo, infelizmente não dá …

Meu novo cabelo(verde)!

Sim, finalmente vou falar sobre meu cabelo verde! Hahaha. Bom, a primeira coisa que vou dizer é: SIM! Precisa descolorir. Ainda tem muita gente que pensa que basta passar a tinta fantasia e pronto. Não gente, precisa descolorir, à menos que seu cabelo seja naturalmente loiro claro, aí sim você não precisa descolorir, é claro!
          Eu queria deixar meu cabelo bem verdinho, porém, decidi não fazer mais descolorações porque meu cabelo já estava bem denotado(e já esteve pior), já fiz muita coisa no meu cabelo. Vejam só:
De 2010 até agora(maio/2014), eu já deixei meu cabelo cor de mel, cerca de 3 ou 4 meses depois pintei de preto azulado. Cinco meses depois fiz um alisamento. Depois de mais 4 meses descolori novamente, e fiz a besteira de fazer mais de uma descoloração no mesmo dia. Cerca de dois meses depois pintei de castanho tentando amenizar os estragos, depois de alguns meses fiz duas mechas roxas no cabelo com violeta genciana. Decidi então deixar meu cabelo em paz por…

Blythe Dolls

A Blythe Doll, é uma boneca que surgiu nos anos 70, porém, assustava um pouco as crianças. Por esse motivo, saiu de linha um ano após o lançamento. Em 1997, a jornalista Gina Garan ganhou uma boneca Blythe de presente e passou a fotografá-la em todos os lugares, dando assim inspiração ao seu livro "This is Blythe" (Esta é a Blythe). Em 1999, ela foi introduzida à Junko CWC Wong pelo artista e ilustrador, Jeffrey Fulvimari. Ainda naquele ano, a Hasbro deu à Takara, empresa japonesa, uma licença para produzir uma nova edição da boneca Blythe, a NEO (nova) Blythe. A Blythe foi usada em uma campanha publicitária de televisão por Parco, o ramo de moda da Seibu Department Stores no Japão e foi um sucesso instantâneo. O sucesso no Japão levou a Hasbro a dar uma licença à Ashton Drake Galleries (ADG) em 2004, para produzir Blythes nos Estados Unidos por um preço mais "em conta".
Há dois tamanhos de bonecas Blythe: a 28 cm (escala 1/6th) de tamanho natural, e as de 11,2 cen…